Notícias

Publicado: 24/06/2019

A OIT se compromete a promover as cooperativas e a economia social

Durante a 108º Conferência Internacional do Trabalho e comemoração do Centenário da Organização Internacional do Trabalho (OIT), foi aprovado em 21 de junho a “Declaração do Centenário da OIT para o futuro do trabalho, 2019”. A Aliança Cooperativa Internacional (ACI) comemora a Declaração e o reconhecimento das cooperativas e da economia social e solidária.

A ACI, como observadora da OIT, participou da elaboração da Declaração durante a Conferência Internacional do Trabalho.

No texto consta: “A OIT deve orientar seus esforços a (...) apoiar o papel do setor privado como uma fonte principal do crescimento econômico e criação de emprego promovendo um ambiente favorável ao empreendedorismo, a inovação e as empresas sustentáveis, em particular as microempresas, pequenas e média empresas, assim como as cooperativas e a economia social e solidária, a fim de gerar trabalho decente, emprego produtivo e melhores níveis de vida para todos”.

A Declaração reconhece que em um momento em que “o mundo do trabalho está se transformando” e onde existem “desigualdades persistentes”, “é imprescindível atuar urgentemente para aproveitar as oportunidades e enfrentar os desafios, a fim de construir um futuro do trabalho justo, inclusivo e seguro para todos”.

Depois de comprometer-se a ACI a “respeitar promover e atuar com diligência para apoiar os princípios fundamentais do trabalho decente” através da “Declaração da ACI sobre Trabalho Decente e Assédio, congratulamo-nos com o compromisso da OIT “com um mundo livre de violência e assédio”.

A ACI também elogia o compromisso da OIT com o desenvolvimento no “enfoque do futuro do trabalho centrado nas pessoas, que situa os direitos dos trabalhadores e as necessidades, aspirações e direitos de todas as pessoas no núcleo das políticas econômicas, sociais e ambientais”. ACI e OIT compartilham de opinião idêntica, que é a base que define uma cooperativa na união voluntária de pessoas para alcançar necessidades e aspirações econômicas, sociais e culturais comuns em uma empresa de propriedade conjunta e controlada democraticamente.

“O movimento cooperativo saúda a Declaração final e deseja ressaltar a frutífera colaboração com a OIT desde sua criação. Como responsável por fornecer emprego a 10% da população mundial empregada, as cooperativas são agentes cruciais para construir um futuro melhor hoje”, declarou o presidente da ACI, Ariel Guarco.

Este texto histórico foi adotado para marcar o centésimo aniversário da OIT e é o resultado de duas intensas semanas de negociações entre governos, sindicatos e organizações de empregadores em todo o mundo. A ACI deseja expressar seu agradecimento pelo trabalho realizado pela Unidade das Cooperativas da OIT para apoiar o papel das cooperativas no futuro do trabalho.


Fonte: Portal EasyCOOP com informações da ACI